Arquivo da tag: Cuiabá Arsenal

Andrei ‘Bio’ Vargas assina com o Florida Marine Raiders para jogar a X-League

Bio buscará novas experiências nos Estados Unidos. Foto Perfil/Facebook

Bio buscará novas experiências nos Estados Unidos. Foto Perfil/Facebook

Depois da confirmação do ex-defensive tackle do Coritiba Crocodiles e Seleção Brasileira, Kawan Pivatto, agora foi a vez de outro integrante da defesa do Brasil Onças acertar a ida para o Florida Marine Raiders. O ex-defensive line do Cuiabá Arsenal, Andrei “Bio” Vargas, foi contratado pela equipe americana para atuar na X-League.

Saiba sobre a ida de Pivatto para o Marine Raiders

Os colegas da equipe e o presidente do Cuiabá Arsenal, Paulo Cesar Ribeiro, comemoraram a novidade.

— O Bio é um exemplo de atleta. Disciplinado, habilidoso, cheio de garra e vontade. Essa conquista é resultado da entrega e da evolução dele como jogador. Estamos muito orgulhosos e certos de que nossa capital estará muito bem representada — afirmou Ribeiro. Andrei embarca na próxima semana para participar do training camp do time.

O jogador pratica o futebol americano no Brasil há cerca de sete anos. Neste período, Vargas conquistou foram o Brasília Bowl, Pantanal Bowl, Sorocaba Bowl, Brasil Bowl I e III.

— Ser contratado por uma equipe do país do football é uma felicidade que qualquer jogador de sonha e espera. Espero aprender muito lá, ainda mais, por ser o indoor football. Acredito que as jogadas exigirão muito mais velocidade o que vai exigir mais de mim como atleta. Além de me preparar para o mundial, retornarei ao Brasil com muito mais força e garra para jogar pelo Arsenal — finaliza Bio.

O head coach dos Marine Raiders, Michael Mink, elogia a experiência de Andrei e celebra a ida do brasileiro para a Florida.

— Com duas conquistas de campeonato brasileiro e múltiplas aparições na Seleção Brasileira, Andrei tem jogado grandes jogos mais do que qualquer um no Brasil. Sabemos que ele está pronto mentalmente. Aos 33 anos, ele está próximo do final de sua carreira e passará a ser treinador nos próximos anos. Sabemos que esta experiência com o Marine Raiders não ajudará somente Andrei, mas também os jogadores que um dia ele colocará em forma como treinador no Brasil — explicou Mink.

Cuiabá Arsenal convoca 75 prospectos em tryout

Ribeiro explica as diretrizes do Arsenal aos prospectos. Foto Arsenal/Divulgaçao

Ribeiro explica as diretrizes do Arsenal aos prospectos. Foto Arsenal/Divulgaçao

Nem mesmo a chuva e o forte calor de Cuiabá impediram que os 75 candidatos ao tryout do Arsenal fossem ao pesado gramado do estádio do Dutrinha. Se com sol as 11 provas já são um tanto duras, correr na chuva realmente foi desafiador.

O guard Otávio Alves entrou para a equipe na temporada passada depois de passar pelo tryout, hoje é titular do time principal.

— Muitos chegam aqui pensando que vão competir com os outros candidatos, no entanto, eles estão competindo consigo mesmos. Não somos concorrentes, somos companheiros de equipe — pontua.

Para não perder tempo, os novatos já começam a treinar no dia 28 de fevereiro, às 15h, no Sesi Cristo Rei em Várzea Grande.

— Tenho certeza de que estes jovens tem muito a acrescentar na equipe e farão parte, a partir de agora, da família Arsenal — comentou o presidente Paulo César Ribeiro.

O dirigente ressaltou positivamente a participação das famílias dos jogadores nas arquibancadas vendo o esforço e torcendo de perto por seus atletas.

— Este é o espírito do Arsenal. Todos os nossos jogos são voltados para as famílias que têm nas partidas de futebol americano um ambiente de respeito e um entretenimento saudável — finalizou.

Na tarde deste domingo (1° de março), os jogadores veteranos e os participantes do tryout se reuniram na Unic para realizar a primeira reunião de apresentação da equipe. Durante o encontro, os futuros jogadores puderam conhecer os princípios que movem o Arsenal e ouvir um pouco sobre as características do esporte.

Cuiabá Arsenal apresenta nova diretoria e organiza tryout

Ribeiro assume a presidência no lugar de Ferreira. Foto Tiagoalt.com.br

Ribeiro assume a presidência no lugar de Ferreira. Foto Thiagoalt.com.br

A temporada 2015 começou com novidades para o Cuiabá Arsenal. A equipe do Mato Grosso e bicampeã brasileira (duas conquistas na extinta Liga Brasileira de Futebol Americano) elegeu o novo presidente e corpo de diretores. Com a saída de Orlando Ferreira, o ex-jogador Paulo César Ribeiro assume o comando do time esmeralda.

— Nosso objetivo maior é de unir o grupo e buscar conquistas dentro e fora de campo até retomarmos o título de melhor time de futebol americano do Brasil. Não será uma tarefa fácil. A cobrança da torcida, familiares e jogadores tem sido grande, mas realmente estamos dispostos a superar as adversidades e garantir os resultados — pontua Ribeiro.

A vice-presidência foi assumida pelo jogador Marcelo Roversi. Também compõe a diretoria, o jogador e diretor Esportivo, Raulin Leal, o diretor Jurídico, Phelippe Ayslan Fonseca Menegatti, o diretor de Eventos, Thiago Victor Correa, o diretor de Marketing, Henrique Pinheiro Pereira, o diretor de Relações Institucionais, Marcus Vinicius De Mendonça Jacarandá, o diretor de Projetos, Ivan Moreira de Almeida e o diretor de Planejamento, Bruno Cézar Peres Antunes.

— Este grupo já está trabalhando para trazer novidades e acreditando nos atletas prata da casa — comenta o novo mandatário.

Tryout

O Arsenal organiza uma seletiva para novos atletas neste sábado (21), às 8h, no Estádio Dutrinha. Os treinos oficiais da pré-temporda começam no próximo dia 28, às 15h, no SESI Cristo Rei. Os rookies poderão ter a chance de ingressar na equipe principal.

— O Arsenal sempre teve a característica de valorizar os atletas mato-grossenses e essa máxima continuará valendo. Estamos muito felizes em receber novos jogadores que, tenho certeza, vestirão essa camisa com a mesma paixão que todos nós — finalizou Ribeiro.

João Pessoa Espectros anuncia o retorno de Guzman

Guzman retorna ao clube que defendeu após duas temporadas no Arsenal. Foto Espectros/Divulgação

Guzman retorna ao clube que defendeu após duas temporadas no Arsenal. Foto Espectros/Divulgação

Guzman está de volta. Após duas temporadas atuando como parte da comissão técnica do Cuiabá Arsenal, Brian Guzman acertou o retorno ao seu clube original, o João Pessoa Espectros. A confirmação da volta do head coach se deu nesta quinta-feira (22) pela diretoria da equipe e o treinador. Brian chega para substituir Marcos Crispim, que deixou o time para treinar o Recife Mariners.

Leia mais sobre a saída de Crispim para os Mariners

Nos Espectros, o técnico iniciou a carreira como wide receiver, mais tarde assumiu coordenação do time ofensivo, antes de se tornar o técnico principal da equipe em 2011. Foi campeão nordestino pelos fantasmas em 2011 e 2012.

— No fim da temporada passada, quando deixei o Arsenal, eu tinha planos completamente diferentes para 2015. Quando surgiu a possibilidade de voltar a treinar o Espectros, não pude recusar. Aqui é a minha casa e o lugar que eu escolheria para ter mais uma chance de conquistar o título (do Campeonato Brasileiro). O time mudou muito desde que saí, a gestão está infinitamente melhor sob a liderança de Guto (Guto Sousa, presidente da equipe), tenho dois coordenadores excepcionais em Kevin Veloso (ataque) e Marcelo Becker (defesa), além é claro do elenco talentoso com veteranos mais maduros e novatos promissores que agregaram ao time nos últimos anos — explicou Guzman.

Nesta sexta-feira (23), Guzman concederá uma entrevista coletiva, ao lado da diretoria dos Espectros, para contar mais sobre o seu retorno a equipe e suas expectativas para a temporada 2015.

CBFA anuncia os convocados para defender a Seleção Brasileira nas eliminatórias da Copa do Mundo

Os brasileiros vão em busca da vaga inédita no Mundial da IFAF. Foto CBFA/Divulgação

Os brasileiros vão em busca da vaga inédita no Mundial da IFAF. Foto CBFA/Divulgação

A Confederação Brasileira de Futebol Americano (CBFA) junto com sua comissão técnica selecionaram os 45 jogadores convocados para defender a Seleção Brasileira nas eliminatórias para a Copa do Mundo. A nota foi anunciada nesta segunda-feira (5) no perfil oficial da CBFA no Facebook.

Os 45 convocados irão preresentar o país contra a equipe do panamenha pela última vaga das Américas na IFAF World Championship, que será disputada nos Estados Unidos, em 2015. O jogo contra o rival da América do Sul será no Estádio Rommel Fernandéz, na Cidade do Panamá, no dia 31 de janeiro.

Leia mais sobre o local do jogo contra o Panamá

O grupo brasileiro, comandado pelo head coach Dan Müller, ainda tem mais um compromisso antes de encarar a partida eliminatória. Depois de vencer o a seleção do Rio de Janeiro, por 17 a 6, na Cidade Maravilhosa, o elenco ruma ao Recife para treinar e duelar contra a seleção pernambucana nos dias 23 e 24 de janeiro.

O defensive end do São José Istepôs, o gaúcho Vinícius Zanon, contou a sobre a felicidade em ser chamado para representar as cores do Brasil na eliminatória da IFAF Américas.

– Estou feliz demais. Representar o Brasil no maior jogo que esse país já viu – conta Zanon.

A dupla Vinícius Zanon e Gerson "Polamalu" Santos são um dos destaques da defesa brasileira. Foto Jayson Braga

A dupla Zanon (c) e Gerson “Polamalu” (e) são alguns dos destaques da defesa brasileira. Foto Jayson Braga

Confira os convocados

ATAQUE

Quarterbacks
Ramon Martire – Flamengo
Rodrigo Dantas – João Pessoa Espectros

Runningbacks
Bruno Santucci – Coritiba Crocodiles
Lucas Nascimento – Coritiba Crocodiles
Aluan Souza – Botafogo Reptiles

Wide receivers
Heron Azevedo – Cuiabá Arsenal
Rodrigo Pons – Flamengo
Loan Felizardo – Botafogo Reptiles
Adan Rodrigues – Coritiba Crocodiles
Guilherme Piccolli – Flamengo
Felipe Fernandes – Vasco da Gama Patriotas

Tight Ends
Felipe Leiria – Flamengo
Luis Domingues – São Paulo Storm

Fullback
Everton Pingo – João Pessoa Espectros

Centers
Dhiego Taylor – São Paulo Storm
Marcos Martini – Flamengo

Guards
Rafael Menezes – Botafogo Reptiles
Henrique Pucca – Coritiba Crocodiles

Tackles
Anselmo Brauer – Flamengo
Hatila Fogo – Cuiabá Arsenal
Junior Kruger – Jaraguá Breakers
William Alberto – São José Istepôs

DEFESA

Defensive tackles
Bruno da Silva – São Paulo Storm
Andrei Vargas – Cuiabá Arsenal
Kauan Pivatto – Coritiba Crocodiles
Augusto Oliveira – Tubarões do Cerrado

Defensive ends
Delmer Zoeschke – Coritiba Crocodiles
Vinícius Zanon – São José Istepôs
Felipe Marques – Tubarões do Cerrado
Edilson Azevedo – Flamengo

Inside linebackers
Igor Nery – João Pessoa Espectros
Laércio Anacleto – Timbó Rex

Outside linecbakers
Igor Mota – Cuiabá Arsenal
Pablo Chafun – Vasco da Gama Patriotas
Eduardo Viana – Paraná HP
Gerson Santos – São José Istepôs

Safeties
Cleverson Freitas – Coritiba Crocodiles
Fernando Giovanotti – Vila Velha Tritões
Paulo Torquato – São José Istepôs
Rodolfo Santos – Jaraguá Breakers

Cornerbacks
Vitor Veloso – João Pessoa Espectros
Bruno Rosa – Flamengo
Felipe Sodré – Flamengo
Flavio Gouveia – João Pessoa Espectros

SPECIAL TEAM

Kicker/Punter
Raiam dos Santos – Flamengo

Equipes com atletas convocados
Flamengo – 10
Coritiba Crocodiles – 7
João Pessoa Espectros – 5
Cuiabá Arsenal – 4
São José Istepôs – 4
Botafogo Reptiles – 3
São Paulo Storm – 3
Jaraguá Breakers – 2
Tubarões do Cerrado – 2
Paraná HP – 1
Timbó Rex – 1
Vasco da Gama Patriotas – 2
Vila Velha Tritões – 1

Crocodiles confirmam favoritismo e mantêm invencibilidade na Superliga

O atual campeão brasileiro mantém a invencibilidade na Superliga. Foto Divulgação/Rednecks

O atual campeão brasileiro mantém a invencibilidade na Superliga. Foto Divulgação/Rednecks

O Coritiba Crocodiles não se intimidou com a melhor performance dos estreantes Rednecks, na Superliga, os paranaenses não ligaram para a longa viagem e o calor de Goiás e venceram o rival por 44 a 0, em Goiânia. A partida válida pelo encerramento da Semana 2 do campeonato brasileiro.

Os visitantes abriram o placar no primeiro quarto com um touchdown que veio de um passe do quarterback #5 Naldino para o tight end #81 Pozzi. O kicker #3 Santanna acertou o extra point. O mesmo trio ampliou a diferença com outro TD. 0-14.

No segundo quarto, o running back #32 Alexandre encontrou um buraco na defesa dos goianos e correu mais marcar mais um touchdown aos paranaenses. O special tem dos Rednecks conseguiu bloquear o xp. 0-20.

Na volta do intervalo, o quarterback #2 Vidal driblou os defensores dos donos da casa para atravessar a goal line e marcar o quartou TD dos Crocodiles. Santanna desperdiçou o extra point ao mandar a bola na trave. 0-26.

No último período, a defesa de Curitiba apareceu mais uma vez para pontuar. O safety #80 Joe derrubou o atacante dos Rednecks dentro da endzone adversária, safety. Na campanha seguinte, Vidal conectou o wide receiver #10 Gutz para touchdown. O special team conquistou o 2pts conversion com o wide receiver Pozzi. Os Crocodiles fecharam a conta com um TD do running back #37 Chuck. Novamente o grupo de especialistas anotou a conversão de dois pontos, desta vez com o RB Alexandre. Final 0-44.

Com a vitória, os Crocodiles assumem a liderança isolada da Conferência Centro-Sul com campanha 2-0. O clube volta a campo no dia 14 de setembro, quando recebem o Cuiabá Arsenal.

Já os Rednecks ocupam a última colocação com retrospecto 0-2. O time ainda não pontuou no certame nacional. O elenco de Goiás tentam a primeira vitória no dia 13 de setembro, contra o Storm, em São Paulo.

Goiânia Rednecks quer surpreender Coritiba Crocodiles

GoianiaRednecks_CoritibaCrocodiles

GoianiaRednecks

Na tarde de sábado (30), o Goiânia Rednecks busca reabilitação na Superliga, quando recebe o atual campeão nacional, o Coritiba Crocodiles, pela Semana 2 da competição da CBFA. O jogo está marcado para as 18h30, no gramado do Sesi Ferreira Pacheco, na capital de Goiás.

Os donos da casa vêm de uma derrota significativa para o rival da região, o Cuiabá Arsenal, por 72 a 0. Os mandantes procuram usar o fator casa e a lona viagem dos paranaenses para surpreender o rival.

Já o poderoso Crocodiles quer a segunda vitória no torneio após começar com o pé-direito, depois de vencer o São José Istepôs por 22 a 0 com grande performance da defesa.

Veja o desempenho dos ataques
GoianiaRednecks_CoritibaCrocodiles_performance

Classificação geral da Superliga Nacional – Semana 2

Confira abaixo a tabela de classificação geral da Superliga Nacional após resultados da Semana 2.

superleague4

São José Istepôs perde mais uma e se complica na Superliga

O RB #20 Giamas encara a defesa dos Istepôs em busca do touchdown. Foto Geraldo Takanage/Overtime do FA

O RB #20 Bessa encara a defesa dos Istepôs em busca do touchdown. Foto Geraldo Takanage/Overtime do FA

Não tá fácil a temporada regular da Superliga para o São José Istepôs. O time da região metropolitana de Florianópolis perdeu a segunda seguida no campeonato brasileiro. Jogando em Itapema, o time foi batido pelo São Paulo Storm por 24 a 14.

Os paulistas estiveram iluminados no primeiro tempo. Três touchdowns seguidos dos extra points, colocaram o elenco comandado pelo head coach Dan Muller com 21 pontos de diferença no score.

O primeiro touchdown veio em uma corrida de 7yd do running back #20 Mateus “Manning” Bessa. O kicker #28 Felipe Gadeilha acertou o extra point. Na campanha seguinte, o quarterback #14 Douglas Rodrigues é interceptado pelo defensive back Gadeilha, que conquista o pick six sobre o ataque dos Istepôs. O kicker novamente acerta o xp. 0-14.

No segundo quarto, o running back #26 Alan Giamas encontra um gap na defesa catarinense e amplia a vantagem com mais um touchdown. Gadeilha converte o chute extra. 0-21.

Os Istepôs conseguem responder com um TD marcado pelo running back #46 JP Ramos. O kicker #8 Marcos Pires chuta a bola entre as traves para anotar o extra point. 7-21.

Na etapa complementar, o linebacker #59 Gerson “Polamalu” Santos recupera a posse de bola, em um fumble forçado no ataque do Storm, e retorna para touchdown. Pires acerta o xp e coloca fogo no confronto. 14-21.

O jogo segue duro para ambos os lados. Turnovers vindos de interceptações impedem que os ataques produzam em campo. No último quarto, o ataque dos azuis surte efeito e posiciona a equipe na linha de 10yd no território dos Istepôs. O kicker Gadeilha converte um field goal de 28yd e decreta a vitória para os paulistas. Final 24-14.

A derrota deixa os Istepôs na última posição da Conferência Centro-Sul da Superliga Nacional com campanha 0-2. O time precisa vencer os dois últimos jogos, contra Goiânia Rednecks e Cuiabá Arsenal, e contar com resultados paralelos para sonhar com uma das vagas aos playoffs. Os catarinenses voltam a campo no dia 11 de outubro, quando recebem o Cuiabá Arsenal.

A vitória do Storm mantém a equipe na terceira colocação da mesma conferência. O time tem retrospecto 1-0, o mesmo que Coritiba Crocodiles e Cuiabá Arsenal, porém o elenco de São Paulo perde no saldo de pontos. O próximo compromisso do Storm será no dia 13 de setembro, o time encara o Goiânia Rednecks, na capital paulista.

Veja o compacto do jogo

Cuiabá Arsenal fará amistoso antes da Semana 5 da Superliga

Os dirigentes de Cuiabá Arsenal e Rondonópolis Hawks agendaram um amistoso entre as duas equipes. O confronto está marcado para o dia 23 de agosto, às 18h, no estádio do Dutrinha, na capital mato-grossense.

O duelo será preparatório para o Arsenal para o resto da temporada regular da Superliga. O próximo compromisso do elenco de Cuiabá será diante do atual campeão brasileiro, o Coritiba Crocodiles, no dia 13 de setembro, em Curitiba.

– Sabemos que é provavelmente o adversário mais forte que poderíamos enfrentar nesse momento e temos plena consciência do volume de preparação que será necessária para esse jogo. Estamos a todo vapor – afirma o treinador do Arsenal, Brian Guzman.

Para o jogo contra os paranaenses, o Arsenal terá a volta de três jogadores, são eles: Thiago Borges, Well Garcia e Kenneth Joshen.