Arquivo da tag: Cuiabá Arsenal

Confederação Brasileira divulga os times participantes da temporda 2013 do campeonato brasileiro

Em nota no Facebook, a CBFA apresentou as 34 equipes que disputarão a temporada 2013 do campeonato brasileiro. A primeira lista contava com 42 times, porém, desistências fizeram com que o número de clubes diminuísse.

O Rio Grande do Sul será representado por Porto Alegre Pumpkins e Santa Maria Soldiers. Santa Catarina será defendida por São José Istepôs e Bárbaros do Vale.

Confira abaixo a lista dos times

Conheça os times participantes do Campeonato Brasileiro de FA, Temporada 2013!

NORDESTE
Ceará Fenix (CE)
Ceará Cangaceiros (CE)
Fortaleza Dragões do Mar (CE)
Mossoró Petroleiros (RN)
América Bulls (RN)
Natal Scorpions (RN)
Treze Roosters (PB)
João Pessoa Espectros (PB)
Recife Mariners (PE)
Recife Pirates (PE)
Maceió Marechais (AL)
Confiança Imortais (SE)
Sergipe Bravos (SE)
Salvador Kings (BA)

NORTE
Manaus Cavaliers (AM)
Belém Titans (PA)

SUDESTE
São Paulo Storm (SP)
São Paulo Spartans (SP)
Brasil Devilz (SP)
Vipers Army (SP)
Rio Preto Weilers (SP)
Rio Branco Cabritos (ES)
Rio de Janeiro Reptiles (RJ)

CENTRO-OESTE
Cuiabá Arsenal (MT)
Sinop Coyotes (MT)
Jacarés do Pantanal (MS)

SUL
Coritiba Crocodiles (PR)
Curitiba Predadores (PR)
Curitiba Brown Spiders (PR)
Curitiba Hurricanes (PR)
São José Istepôs (SC)
Bárbaros do Vale (SC)
Porto Alegre Pumpkins (RS)
Santa Maria Soldiers (RS)

Anúncios

Brian Guzman é o novo treinador do Cuiabá Arsenal

Guzman conquistou três título paraibanos e nordestinos pelso Espectros. Reprodução/Facebook

Guzman conquistou três título paraibanos e nordestinos pelso Espectros. Reprodução/Facebook

A dúvida durou pouco tempo. Depois que a diretoria João Pessoa Espectros anunciar a saída do treinador principal da equipe, Brian Guzman, foi a vez dos administradores do Cuiabá Arsenal declarar a contratação do técnico para a temporada 2013.

Confira abaixo a nota oficial dos Espectros sobre a saída de Guzman

Depois de 2 anos dirigindo o João Pessoa Espectros, o técnico Brian Guzman deixará o comando do time. O motivo da saída do treinador foi um convite recebido para assumir importante papel em um projeto envolvendo o Futebol Americano em outra capital do Brasil. A Associação Desportiva Espectros não tem autorização para dar detalhes, por se tratar de projeto de terceiros, mas informa que a saída de Brian se deu de comum acordo com a direção, como esclarece o diretor executivo Diego Matias:

– Brian é hoje um dos melhores e mais experientes técnicos brasileiros de Futebol Americano. Ajudou o Espectros a ser o time mais vitorioso do Nordeste e um dos mais respeitados do Brasil. Ele é um profissional extremamente dedicado e um profundo conhecedor de todos os detalhes do jogo. O João Pessoa Espectros só tem a agradecer ao ex-atleta, treinador, e acima de tudo companheiro fiel, pela dedicação incansável ao time. Desejamos muito sucesso a Brian nos seus novos desafios e estamos felizes que ele continuará contribuindo com o Futebol Americano nacional.


De acordo com informações da assessoria do Cuiabá Arsenal, Guzman assinou contrato com os mato-grossesnses. Entretanto, não foi especificado por quanto tempo o treinador ficará na frente do Arsenal.

Também foi anunciado que Heron Azevedo fará parte da comissão técnica do Arsenal até agosto. O ex-wide receiver do time participará junto com Guzman de uma entrevista coletiva na segunda-feira, em Cuiabá.

Schultz assina com universidade canadense


Schultz almeja em entrar para o combine da CFL. Foto Perfil Facebook


O Brasil continua exportando jogadores para as ligas americanas. Desta vez, um brasileiro tomou o caminho do Canadá. Estrela no futebol americano nacional, Ricardo Schultz Martins assinou um contrato de quatro anos com a Acadia University.

O atleta selou o acordo nesse último final de semana, em Wolfville/Nova Scotia.

– Mandei o vídeo para a universidade e os treinadores demonstraram muito interesse. Eu resolvi que eles realmente me queriam, então fiz todo o processo, fui aceito e fui recrutado – contou Schultz.

Deferentemente como aconcete com estudantes que tentam vagas em universidades americanas, no Canadá as instituições não cedem bolsas de estudo.

– O contrato é a Carta de Intenção. Um documento que eu assino para dizer a CIS (Canadian Interuniversity Sport, em inglês. A entidade governamental responsável pelos esportes universitários) que eu vou jogar pela Acadia – explicou o jogador.

No Brasil, Schultz atuou por Coritiba Crocodiles, Curitiba Predadores e Cuiabá Arsenal. Nos Estados Unidos jogou pelos Chancellors (Saint Thomas More/high school). Além de defender a Seleção Brasileira no amistoso contra o Chile, no ano passado.

– Vou fazer meu melhor para ser ao menos convocado para o combine CFL. Se nao for, eu vou me preparar para os combines aleatorios da Liga – finaliza.

CBFA lança lista de inscritos no campeonato brasileiro

A Confederação Brasileira de Futebol Americano divulgou na tarde de hoje a lista das 41 equipes que irão disputar a segunda edição do campeonato brasileiro. O Rio Grande do Sul contará com a presença do Porto Alegre Pumpkins e Santa Maria Soldiers. Santa Catarina será representado por Bárbaros do Vale, Corupá Buffalos, Itapema White Sharks e São José Istepôs.

O Santa Cruz Chacais não participará por falta de jogadores no plantel. O elenco comandado por Gustavo “Coia” Weiss irá desenvolver projetos que aumentem o número de atletas dentro do grupo.

A não participação do Joinville Gladiators pode estar vinculada a criação da Liga Profissional, que anunciada pela Brazen, indicou que a cidade do Vale do Itajaí terá um time no certame.

Confira abaixo a lista dos inscritos por região

Norte/Nordeste
Ceará Fênix (CE) estreante
Ceará Cangaceiros  (CE)
Fortaleza Dragões do Mar (CE)
Mossoró Petroleiros (RN) estreante
America Bulls (RN)
Natal Scorpions (RN)
Treze Roosters (PB) estreante
João Pessoa Espectros (PB)
Recife Mariners (PE)
Recife Pirates (PE)
Maceió Marechais (AL)
Confiança Imortais (SE) estreante
Sergipe Bravos (SE)
Salvador Kings (BA) estreante
Manaus Cavaliers (AM) estreante
Belém Titans (PA) estreante

Centro-Oeste/Sudeste
São Paulo Storm (SP)
São Paulo Spartans (SP)
Brasil Devilz (SP)
Sorocaba Vipers (SP)
Palmeiras Locomotives (SP) estreante
Rio Preto Weilers (SP)
Rio Branco Cabritos (ES)
Desportiva Revolutions (ES) estreante
Rio de Janeiro Reptiles (RJ) estreante
Cuiabá Arsenal (MT)
Sinop Coyotes (MT)
Jacarés do Pantanal (MS) estreante

Sul

Coritiba Crocodiles (PR)
Curitiba Predadores (PR)
UFPR Legends (PR)
Curitiba Brown Spiders (PR)
Curitiba Hurricanes (PR)
Foz do Iguaçu Black Sharks (PR)
Ponta Grossa Phantoms (PR)
São José Istepôs (SC)
Corupá Búfalos (SC)
Bárbaros do Vale (SC)
Itapema White Sharks (SC) estreante
Porto Alegre Pumpkins (RS)
Santa Maria Soldiers (RS)

Atual campeão brasileiro inicia atividades na temporada 2013

A equipe do Cuiabá Arsenal iniciou as atividades em preparação para o campeonato brasileiro que começa em setembro. No final de semana os novatos que entraram no último tryout tiveram o primeiro contato com a bola oval e puderam aprender alguns fundamentos do esporte.

No sábado, a equipe se reuniu no auditório do estacionamento da Unic/Beira Rio para conhecer o projeto do time para o ano de 2013. A principal preocupação do presidente do time, Orlando Ferreira, está em conseguir o mais rápido possível um novo head coach, uma vez que o técnico Clayton Lovett, deixou a equipe para seguir com projetos pessoais.

Ferreira no momento se encontra nos Estados Unidos a procura de um novo comandante para o plantel principal e sub-19. A contratação de um treinador acaba com as chances do clube trazer mais um americano para o elenco.

– Tivemos que escolher, ou um técnico de qualidade ou um jogador. Certamente a primeira opção foi mais válida já que beneficia toda a equipe – explicou Ferreira.

Ferreira garantiu que mesmo diante do orçamento apertado está mantida a realização do ‘Camp’ 2013 de junho. Na ocasião, o time deve receber a visita de um treinador americano para cada posição no time, além de um ex-jogador da NFL. No ano passado a equipe teve a presença de Damione Lewis, que atuou por dez anos na liga americana.

Kenneth Josen canta lambada para convidar ao tryout do Arsenal

Ao som de “Ei amigo, toque uma lambada” Kenneth Josen assume o vocal e chama a gurizada para participar do tryout do Cuiabá Arsenal. A seletiva será no dia 23 de feveriro no campo do Sesi Clube do Cristo Rei, na capital do Mato Grosso. Confira abaixo o clipe da canção.

Compacto entre Arsenal e Crocodiles

Veja o compacto do Brasil Bowl disputado entre Cuiabá Arsenal e Coritiba Crocodiles pelo campeonato brasileiro.

Cuiabá Arenal é campeão brasileiro

O Arsenal conquista pela segunda vez o título nacional. Foto Bruno Antunes

Até quem acredita em milagres não acreditou na reviravolta do Cuiabá Arsenal na final do Campeonato Brasileiro de Futebol Americano. Em apenas dois minutos a equipe conseguiu reagir e marcar três touchdowns. Mais de 5 mil pessoal  compareceram ao estádio Dutrinha e acompanharam de perto a surpreendente vitória da equipe cuiabana.

No primeiro minuto da partida, Heron rasga o ar em um retorno para touchdown. Arsenal abre o placar com 6 pontos e Raulin completa o ponto extra. Minutos depois, em uma quarta descida a equipe tenta um field goal e consegue mais três pontos (10 x 0). Tudo parecia bem, mas a empolgação inicial não durou muito tempo.

Já no segundo quarto, avançando jarda por jarda o Crocodiles consegue chegar a endzone e Bruno anota o touchdown.  Adan faz ponto extra (10 × 7). O time adversário ganha força e começa a avançar até que Mullet marca o segundo. Ponto extra de Adan (14 x 10).

Com a defesa muito tempo em campo, a equipe cuiabana começa a ficar cansada e o Crocodiles cresce mais ainda. Pouco antes do intervalo eles conseguem converter mais 3 pontos em um field  goal (17 x 10). Chega ao fim o primeiro tempo.

Retorna o segundo tempo e a tensão só aumenta. As duas equipes tem dificuldade de avançar em campo. Já no fim do terceiro quarto, Gutz, em uma jogada reversa, marca mais um sobre o Arsenal. A equipe de chute do time cuiabano impede o ponto extra. Mesmo assim o placar fica em 23 x 10.

O Coritiba começa a ter certeza que a partida está sob controle e o Arsenal encontrava cada vez mais dificuldade em avançar. Mesmo com o apoio da torcida, o resultado parecia ter sido decretado. Chega os últimos 4 minutos e como em um milagre Bruno recupera a bola e o Arsenal tem a chance de atacar. Heron recebe próximo a endzone e marca TD. Raulin anota o ponto extra (23 x 17).

No chute de devolução, o Arsenal tenta um chute curto e não consegue recuperar. Bola do Crocodiles que só precisava gastar o relógio para ficar com a vitória. Uma nova esperança brota em meio ao campo. Bio força um fumble e Chico recupera e retorna para o TD. A torcida enlouquece na arquibancada e na entonação dos gritos não é ouvido o apito do juiz que anula a jogada o que deixa o jogo ainda mais desesperador para o time da casa. O Arsenal mantém a posse de bola e a equipe parece ter renascido, e depois de mais duas tentativas vem a grande chance.

Heron recebe a bola na saída do campo e anota o TD. Menos de um minuto e meio para o fim do jogo e as duas equipes ficam empatadas. Raulin chuta e consegue deixar o placar em 24 x 23. Mas o jogo não termina. O Arsenal devolve a bola, o ataque do Crocodiles precisava avançar o campo todo e Hanay intercepta um passe longo do Crocodiles e na frente de uma ensandecida torcida de mais de 5 mil pessoas, consegue anotar o último TD. Raulin marca o ponto extra e a torcida explode nas arquibancadas. O Crocodiles ainda tenta, mas nada acontece. A partida termina em 31 x 23.

“Esse foi sem dúvida o jogo mais emocionante da história do Arsenal e do Futebol Americano no Brasil”, diz o presidente da equipe, Orlando Ferreira. Para ele, o alto nível visto na partida de hoje deve ser o que todas as equipes vão apresentar daqui para frente.

Texto Caroline Pinnow

Brasil Bowl – Cuiabá Arsenal x Coritiba Crocodiles

#23 Santucci bateu na trave por três vezes pelo título nacional. O running back busca a conquista histórica. Foto Bruna Bittencourt

Amanhã os dois melhores times do campeonato brasileiro se enfrentam para decidir quem conquistará a primeira edição do certame organizado pela Associação Brasileira de Futebol Americano. A partida entre Arsenal e Crocodiles marca na história do esporte no Brasil.

Dos 34 timdes, após 89 partidas da temporada regular, sobraram 17 equipes para disputar os playoffs. Dentre todos, Arsenal e Crocodiles derrubaram os rivais. A edição de 2010 da antiga Liga Brasileira será relembrada. Cuaibanos e paranaenses duelam novamente por um título. O estádio do Dutrinha outra vez será o palco para este jogo histórico.

O Coritiba Crocodiles é o Sul na final do brasileiro. O elenco liderado pelos running backs #23 Bruno Santucci e #21 Luas Mullet mostrou que tem poderio para levantar pela primeira vez o troféu de campeão nacional. Os alviverdes estão invictos na competição, em nove jogos foram nove vitórias. No Mato Grosso, a equipe terá a grande missão de parar o americano Kenneth Joshen.

“Nem sei em que posição ele vai jogar, se no ataque ou na defesa. Então fica meio complicado. Nos retornos o negócio é não dar chance dele retornar e conseguir touchbacks ou chutar os punts para a lateral. Se ele jogar no ataque de RB, sabemos como parar corridas, pois treinamos contra os dois dos melhores runnings backs que eu conheço no Brasil. Se jogar na defesa, temos que evitar os passes em cima dele o cara é diferenciado e merece respeito”, comentou o presidente  e tight end dos Crocodiles, Gerrard Kaghtazian.

Os Crocodiles contarão com o retorno de Joe Roger e Matheus “Mon” Jackimiu. Ambos atletas que atuam nos Estados Unidos. O primeiro atuará como wide receiver e strong safety. O segundo como left tackle e defensive tackle. Os dois vem para somar experiências na forte equipe do Paraná.

Pelo lado dos mandantes, em oito jogos, oito vitórias. O Arsenal é a grande potência do Centro-Oeste. A estrela do time é o americano Kenneth Joshen. O jogador tanto pode atuar como safety ou running back. O grupo tambem contará com o retorno de jogadores que atuam em terras americanas. Heron Azevedo, Ricardo Schultz, Wesley Jardim e Luis.

Mesmo para jogar somente a final, Schultz se diz muito adaptado ao estilo de jogo do Arsenal. O alteta que está no Brasil desde a semana passada, o defensive end já treinou com os companheiros e tem ideia de como parar as corridas de Santucci e Mullet.

“Já temos algo montado para isso (sobre as jogadas com Santucci e Mullet). Vamos entrar para parar o ataque do Crocodiles. Estou aqui desde quarta da semana passada. O esquema de jogo (do Arsenal) é praticamente o mesmo da minha High School que joguei esse ano nos EUA”, explica Schultz.

Amanhã, às 19h no horário de Brasília, Arsenal e Crocodiles jogam no estádio do Dutrina, em Cuiabá, na briga pelo título de campeão brasileiro.

Faltam três dias para o Brasil Bowl

Em pouco tempo o Brasil saberá quem será o novo campeão brasileiro. Cuiabá Arsenal e Coritiba Crocodiles medirão forças para conquistar a hegemonia brasileira. Dia 24 de novembro será mais uma data história para o futebol americano nacional. O campo do Dutrinha será o palco para a festa. A partida começará às 18h (19h no horário de Brasília). As equipes reeditam a final da temporada 2010 da antiga Liga Brasileira, quando naquela época os mato-grossenses sairam campeões.